Cortinas na Kombi – Eva

Algumas coisas demoram mais do que deveriam pra funcionar. Uma dessas foram as cortinas. Fiz compra dos trilhos em dezembro de 2018 e apenas agora foram instaladas. É claro que não tem a menor necessidade, para um bom funcionamento do carro, ter cortinas. É um acessório que será funcional apenas se você quiser dormir dentro dela. Abaixo, sem cortinas.

E foi o caso. Em janeiro fomos para um encontro em Lajeado e dormi dentro dela. Não é meu desejo ter uma camper van, não. Quero apenas algumas facilidades. Não foi ruim dormir sem cortinas.

Agora, se eu já tinha os trilhos porque não instalei as cortinas? Aí está a questão, em si. As cortinas. Além de não ter, ainda não sabia qual modelo e menos ainda onde comprar e ou mandar fazer. “Ah… no Mercado Livre tem”. Sim tem, mas são tecidos muito comuns. Você vai numa loja de tecidos e encontra um zilhão de estampas legais, falo comum não por serem ruins, comuns por serem comuns mesmo, normais.

Outra questão são os valores. De 250 até 350 reais. Gastamos em torno de 120 pra fazer as nossas. Ok, o tecido não é o mesmo, qualidade também não… só que é o tecido igual ao das portas. isso fez a diferença.

Porém agora com a aproximação de mais um encontro com acampamento, em Santa Cruz do Sul, resolvemos finalmente botar pra frente e finalizar essa parte. Achamos que seria legal usar o mesmo tecido da forração das portas. Nós mesmos fizemos, o tecido é barato, não ficou 100%, porém ficou melhor que aquela forração preta de acabamento muito ruim. Abaixo a cabine com a porta forrada.

Resolvido o tecido passamos para a instalação dos trilhos para ver qual seria o tamanho das cortinas, o quanto de tecido seria preciso e toda a ciência. Chamei a Vívian para ajudar nas medições e opinar. Depois de algum tempo pensando chegamos aos números finais.

Passamos para nossa costureira e depois de alguns ajustes terminamos a instalação. Podemos dizer que o resultado final foi muito bom. Apenas as cortinas dos vidros traseiros ficaram grandes demais na altura. Nada que uma nova furação ou correção no pano não resolva. Abaixo o resultado final com as portas abertas e cortinas fechadas.

Pra nós combinou bastante, porque como falei o tecido é o mesmo da forração das portas. Ou seja, já era a cara dela, então não mudou nada do que a gente já estava acostumado. Difícil manobrar com as cortinas fechadas, mas deve ser igual a manobrar uma Kombi Furgão.

E nessa última foto a diferença entre as cortinas fechadas e abertas.

Diminui bastante a luminosidade. A noite não dá pra ver o que tem dentro, mesmo que você encoste a cara no vidro. O ideal para entrada de menos luz seria um tecido mais grosso, mas pro nosso caso, tipo de uso e por fim e mais importante a combinação… está ótimo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *